.NET ou Java?

.NET não é uma linguagem de programação, mas sim uma máquina virtual e um conjunto de bibliotecas sobre as quais você pode usar uma linguagem de sua escolha. Vou assumir que você quer saber se vale a pena se especializar no ecossistema .NET, geralmente dominado por C# e (infelizmente) Visual Basic, ou no ecossistema Java no qual a linguagem Java (Oh really?) é a mais utilizada.

Antes de tudo, devo dizer que não vejo porque se restringir a uma única linguagem ou ecossistema. Os conhecimentos de programação não funcionam só pra uma linguagem X ou Y. Não sei se faz sentido ser um mestre de Java e não saber nada de C#, Python, C, ou qualquer outra linguagem que pode lhe ser útil.

Nesse caso em especial, o mais inteligente seria estudar ambos os ecossistemas: boa parte das oportunidades do mercado gira em volta deles. Melhor ainda seria se manter sempre atualizado quanto a outras linguagens, não só pra conseguir emprego, mas também porque linguagens diferentes geralmente te fazem aprender a pensar de maneiras diferentes, o que é fundamental pra se tornar um bom programador.

Alguém que, por exemplo, já programou em linguagens funcionais como Lisp, vai conseguir aproveitar muito melhor os recursos funcionais de Python do que alguém que nunca as conheceu.
Um expert em Python que conhece .NET e Java pode ser muito útil, já que projetos como IronPython (Python sobre .NET) e JPython (Python sobre Java) vem sendo adotados por muitos como alternativas para melhor produtividade.

É estranho escrever tudo isso pra responder uma pergunta com outra pergunta, mas vou fazê-lo mesmo assim: será que é mais inteligente querer ser um bom programador .NET ou Java, ou um bom programador? Se eu fosse você, o que eu faria era escolher entre C# e Java (não faz muita diferença qual, pode até decidir na sorte  ), aprender um pouco, e depois aproveitar o conhecimento adquirido na outra já que ambas são tão parecidas. Mas definitivamente não pare por aí: aprender uma linguagem funcional como eu já citei, ou qualquer outra de algum paradigma que te faça pensar de maneiras diferentes, é fundamental pra ser um bom programador: depois disso, linguagens e bibliotecas são detalhes.


No momento estou no C++, mas ai apenas citei o que eu pesquisei, amigos meus falando , entre outras fontes.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: